Biblioteca

DA FORMAÇÃO DA CAVERNA À FORMAÇÃO DO EDUCADOR THE FORMATION OF THE CAVE TO THE TEACHER EDUCATION

Descrição

Resumo

Utilizando assuntos tão pouco explorados em sala de aula, a espeleologia serviu como temática principal para esta pesquisa, contribuindo para uma reflexão mais ampla acerca da formação de educadores. O objetivo deste trabalho é demonstrar a importância de uma formação acadêmica que possibilite o professor valorizar as vivências de seus alunos para a aprendizagem de conceitos formadores, e não só científicos, bem como levantar dados específicos sobre concepções alternativas sobre os assuntos de espeleologia. Para tal, fez-se um levantamento bibliográfico de livros didáticos e também das concepções alternativas sobre o assunto, com estudantes de duas escolas estaduais de Belo Horizonte, MG e de licenciandos em Ciências Biológicas da UFMG. Através de um questionário, os estudantes caracterizaram uma caverna dentro de suas concepções pessoais. Todas as respostas foram, posteriormente, analisadas. Observou-se que a grande maioria dos estudantes utilizou o senso comum e o imaginário para resolver as questões propostas ou representar uma caverna. Já os universitários ignoraram tais estratégias, apoiando-se exclusivamente no conhecimento científico, muitas vezes errôneo.

Palavras-chave: Cavernas, Ensino de Ciências, Formação de educadores, Concepções alternativas, Imaginário.

Abstract

Speleology and speleobiology are subjects poorly explored in classrooms. These themes served as objectives for our research, providing a focus for the educator formation. The objective of this work is to demonstrate the importance of a good formation, alerting the teachers that the experience of the students for learning formative concepts is very important, sometimes more important than the scientific knowledge. For that purpose, we made a bibliographical survey of didactic books and a survey of alternative conceptions with students of two state schools and from the Biology course of the UFMG. Through a questionnaire, the students have characterized a cave with its particularities. All the responses had been analyzed. It was observed that the majority of the students used their common sense and imaginary to answer the questions or represent a cave. However, the biology students had ignored such strategies, supporting themselves exclusively in the scientific knowledge, many times erroneous.

Keywords: Caves, Science education, Teachers formation, Alternative conceptions, Imaginary

Categoria
EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO
Tipo de publicação
Publicações periódicas (revistas, jornais, boletins)
Autores

Rodrigo Lopes Ferreira; Laise Vieira Gonçalves; Tarsila de Melo Raposo; Ana Cristina Morgado; Virgílio Couto Neto

Local da publicação
CECAV - Brasília - DF
Nº da edição ou volume
Revista Brasileira de Espeleologia - RBEsp, v. 1, n. 4, 2014
Ano de Publicação
2014
Editora
CECAV - ICMBIO